Blogger Template by Blogcrowds

Eu

Revisitei todas as minhas lembranças
Recordei todas as tristezas
Todas as felicidades.
Sonhei.

Fechei os olhos e me deixei levar ao céu
Cheguei e as portas eram abertas pra mim.
Me senti feliz, me senti livre.
Sorri.

Corri por todos os espaços e me reconheci
Por vezes sonolento, mas vivendo por mim.
Achei que estaria melhor.
Dancei.

Cortei as sobras, joguei-as fora
Me senti mais limpo e
Agora tenho o que me basta.
Completo.

Fiz tudo que pude e tentei fazer o que não pude.
Hoje estou aqui.
Sendo o que sempre deveria ter sido.
Eu.

1 comentários:

Gente, que saudossísmo é esse, ô " Casimiro de Abreu?"....kkkkk.....

Cortar as sobras, se inventar e reinventar. E continuar com a gente, com a nossa essência intacta. É assim, lindo e feliz!

Bjus!

23 de outubro de 2008 09:32  

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial